Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
A VERDADE QUE LIBERTA
A VERDADE QUE LIBERTA

A VERDADE QUE LIBERTA
“Esperei confiantemente pelo Senhor, ele se inclinou para mim e me ouviu quando clamei por socorro. Tirou-me de um poço de perdição, de um tremedal de lama; colocou-me os pés sobre a rocha e me pôs nos lábios um novo cântico, um hino de louvor ao nosso Deus; muitos verão essas coisas, temerão e  confiarão no Senhor”.
 
Sl.40:1-3.
Quando estudamos as Escrituras, percebemos que vários servos do Senhor louvaram a Deus com toda intensidade, de coração. A Palavra de Deus nos exorta: “Todo ser que respira louve ao Senhor”. Nesse salmo, o salmista destaca algumas razões pelas quais devemos exaltar ao Senhor.
    1 – Porque Ele nos tirou da lama.
    Quando olhamos para nossa condição sem Cristo, constatamos não apenas o nosso estado de perdição, mas a lama do pecado que nos torna totalmente depravados e carentes da graça de Deus.
    O poeta canta: “A minha alma estava longe dos caminhos dos céus, eu era pobre e desprezível pecador, mas Jesus já transformou minhas trevas em luz, quando ele estendeu sua mão para mim”.
    2 – Ele firmou os nossos pés sobre a rocha.
O Senhor nos regenerou, ele nos tirou da lama e firmou os nossos pés sobre a rocha.
Jesus é a  rocha eterna, a pedra angular. A nossa vida está fundamentada em Jesus Cristo, Ele é o autor e consumador da nossa fé. Em Cristo somos mais que vencedores; em Cristo podemos afirmar, como o apóstolo Paulo: “Quem nos separará do amor de Cristo? Será a tribulação, ou angústia, ou perseguição, ou fome, ou nudez, ou perigo, ou espada? Como está escrito: Por amor de ti, somos entregues à morte o dia todo, fomos considerados como ovelhas para o matadouro. Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou. Porque estou bem certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem principados, nem coisas do presente, nem do porvir, nem os poderes, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura poderá nos separar- do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor”.
    3 – Ele pôs em nossos lábios um novo Cântico.
    Somos privilegiados, agraciados e abençoados. Ele nos tirou do pecado, do jugo da servidão. Ele firmou os nossos passos em novo projeto de vida, com novas perspectivas, novos sonhos e ideais.
    Ele agiu em nosso interior fazendo brotar um novo cântico, a exemplo de Maria, que disse: “A minha alma engrandece ao Senhor e meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador”. Um novo cântico significa expressão de gratidão a esse Deus maravilhoso que nos amou e salvou. Um novo cântico significa motivação para bendizer o nome do Senhor, como disse o salmista: “Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e tudo que há em mim bendiga o seu santo nome. Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nem um só de seus benefícios”. 
     
Concluindo: Você que nasceu de novo faz parte da Igreja do Senhor. Lembre-se: é um privilégio louvar ao Senhor. Você, corista, que faz parte desse abençoado coral Semírames Bezerra, sinta-se um agraciado pelo Senhor, escolhido por Deus para louvar o seu precioso nome. Cante com entusiasmo, cante com motivação, com todo o seu ser e exalte ao Senhor, mesmo diante de todas as lutas e provas que certamente você enfrenta no dia a dia, mas, com intensidade de coração, exalte ao Senhor